VISITAS

Mostrando postagens com marcador manta asfáltica. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador manta asfáltica. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

MANTA ASFALTICA



Ivani

SR. ELCINEY, BOA NOITE
vi este site, e gostaria de tirar uma duvida.
Minha mãe tem muito problema de laje.
depois de varias tentativas de recapeamento(cimento,areia), indicaram que usasse manta asfáltica
Foi comprado, colocaram como o indicado , com maçarico, ´por um representante da marca usada.
Passaram alguns dias , inclusive com chuva , e não teve nada de vazamento.
Uns 15 dias depois foi contratado um outro profissional , para fazer o recapeamento, como foi recomendado, para não ficar exposto ao sol.
Apos este recapeamento(cimento,areia) , a laje começou a vazar novamente, onde já vazava e apareceram outros lugares também.

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Duvida Cruel sobre Impermeabilização, manta ou poliuretano?



Manta ou Poliuretano?
Cristiano Vargas
Caro amigo, estou apavorado com a finalização da minha casa, onde tenho uma laje de 14mt por 12mt 168m², e o empreiteiro que iniciou a obra que por sinal era o meu engenheiro, recebeu uma proposta e foi morar fora do pais e me largou na mão, a ideia original dele era para termos impermeabilização com manta asfáltica aluminizada, porém estou recebendo indicações muito positivas de impermeabilização de lajes com impermeabilizante de poliuretano, que pelo pouco de informação que encontrei me pareceu uma excelente opção.
PELOAMORDEDEUX me da uma opinião técnica ai, o que deve fazer  ? qual o melhor caminho?


quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Reparo nas mantas asfalticas


Nilson

Depois de aplicada a manta por um profissional, fazendo o teste de estanqueidade, alguns pontos continuaram com infiltração. Em alguns deles a manta descolou, na borda. É claro que perdi a confiança no profissional e gostaria de instruções corretas para que eu possa supervisionar oserviço de reparo. Agradeço a ajuda, desde já.
Att


domingo, 5 de janeiro de 2014

Casa acumula grande quantidade de água




Márcio

Olá, minha casa fica numa região que recebe grande quantidade de agua que vem das ruas acima da minha e na entrada da casa tem uma rua que é gramada e acumula grande quantidades de água, dizem que por ser numa região  onde o solo é de aproximadamente 2 metros só de solo depois é pedras e muitas minas d água a minha cozinha que fica no nível abaixo da rua esta sofrendo vazamentos pelo rodapé onde fica minando água o tempo todo. Qual a solucao para o meu problema

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

“MOÇO ESSA MANTA PRESTA?”

Taí uma pergunta que eu não gosto de ouvir, da logo vontade de dizer que se não prestasse eu nem vendia, mas como o cliente não é obrigado a conhecer todo tipo de material muito menos manta asfáltica, afinal realmente existem vários tipos para varias funções, resta saber qual serve pra que?

terça-feira, 10 de dezembro de 2013

MANTA ASFÁLTICA ALUMÍNIO

Calha com manta alumínio





Manta asfáltica alumínio, o que é? Pra que serve? Bem, digamos que você construiu sua calha de cimento ou concreto e um belo dia vem aquele pinga pinga, pronto!

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

" MEU PEDREIRO REVESTIU A LAJE COM MASSA FORTE, MAS NÃO RESOLVEU!"

Infelizmente vai continuar sem resolver, esta cliente chegou até nossa loja com o seguinte problema;
- Bom dia, minha laje tem sérios problemas de infiltração, construí recentemente e meu pedreiro disse que a melhor solução para os vazamentos era picotar o piso todo e depois revestir com uma argamassa bastante forte que eu não teria problemas por muitos anos, mas assim que caiu o primeiro dágua...foi goteira pra todo lado, o que aconteceu? o que faço agora? o mesmo pedreiro disse pra mim por cerâmica que também servia, ele está certo ou não?



- Não minha senhora ele está totalmente errado(disse a ela), pra começar com todo respeito aos pedreiros, eles não são os profissionais mais indicados para resolver esse tipo de situação, e sempre bom contactar com empresas especializadas em impermeabilização ou se for muito caro peça que indiquem um funcionário que já conhece esse tipo de serviço. O que aconteceu e algo que foi citado em outros posts, dilatação e retração(como na foto ao lado), resultado laje vazando. o que fazer agora? impermeabilizar a laje antes de por o contra piso, dependendo do tamanho da sua laje essa impermeabilização pode ser feita com pintura asfáltica a frio, a quente, pintura acrílica impermeabilizante ou manta asfáltica. Depois de por essa membrana a laje estará impermeabilizada e protegida, em seguida ponha o contra piso, esse pode receber adesivo para argamassa que aumentará a resistência do piso a tração, pois mesmo que aconteça a dilatação a impermeabilização acompanhará os movimentos da laje evitando assim infiltrações e vazamentos.

Fissuras
Ficou claro? quer tirar mais dúvidas, então comente ou participe do fórum ou do chat que estão no link desta pagina.

terça-feira, 26 de novembro de 2013

IMPERMEABILIZAÇÃO EM COBERTURA




Quebradeira para preparar o piso para receber a manta, alguns clientes insistem que não querem retirar a cerâmica, mas com manta asfáltica não tem jeito, se alguém disser que pode aplicar manta por cima da sua cerâmica...corra!!!


Preparando o rodapé para receber a manta, 25cm de altura



Detalhe do ralo, precisa ser rebaixado se não vai ficar mau posicionado em relação ao piso

Não pode esquecer das colunas



Aplicando manta asfáltica







Outro detalhe importante, aplicação de rolete nas emendas e na meia-cana, isso ajuda a melhorar ainda mais a aderencia da manta asfáltica



fotos: José Maria - Técnico em Impermeabilização (92) 8153-6835

Video Aplicando Manta Asfáltica

video

Esse vídeo que tirei do you tube ajuda a tirar algumas duvidas sobre a aplicação da manta asfaltica

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Manta Asfáltica, o que diz a norma?

clik na imagem para ampliar
Determinação da espessuraEste ensaio descreve três métodos para determinar a espessura das mantas asfálticas,conforme tipo de acabamento superficial. Para mantas asfálticas com ambas as faces lisas, a medida da espessura é obtida através de micrômetro ou relógio comparador. Seleciona-se dois corpos de prova da amostra medindo 50 mm de largura e comprimento igual à largura da manta asfáltica (1m). Efetua-se no mínimo cinco determinações por corpo de prova, obtendo-se a espessura média. A aparelhagem, preparação dos corpos de prova, procedimento de ensaio e expressão dos resultados constam na NBR
9952/2007. Resistência à tração e alongamento Este ensaio baseia-se na deformação por tração, à velocidade constante, considerandose a medida da carga e do alongamento no instante em que a carga for máxima. A máquina de ensaio de tração possui características específicas e são descritas na norma. O corpo de prova deve ter forma retangular e dimensões de 50 mm x 300 mm. Devem ser ensaiados corpos de prova em número suficiente para obtenção de nove resultados válidos para cada direção longitudinal e transversal. A aparelhagem, preparação dos corpos de prova, procedimento de ensaio e expressão dos resultados constam na NBR 9952/2007.
Determinação da Absorção d’águaSelecionam-se três corpos de prova, com dimensões de 100 mm x 100mm, da amostra. Remover o filme de plástico (quando este for passível de remoção). Caso não seja possível a remoção de acabamento superficial que comprometa os parâmetros estabelecidos, deve-se descontar sua absorção do resultado final. Pesar separadamente três corpos de prova e imergi-los no recipiente para banho de água destilada. Remover os corpos de prova, retirar o excesso de água destes utilizando um pano seco e pesá-los separadamente. A aparelhagem, preparação dos corpos de prova, procedimento
de ensaio e expressão dos resultados constam na NBR 9952/2007.


Flexibilidade à baixa temperatura
Selecionam-se quatro corpos de prova retangulares de 150 mm x 50 mm para cada temperatura indicada nos itens 4 e 9 da tabela 1. Condicionar os corpos de prova e a aparelhagem às temperaturas indicadas nos itens 4 e 9 da tabela 1 por pelo menos 2 h na câmara frigorífica. Depois do condicionamento, proceder, sempre dentro da câmara frigorífica, à flexão do corpo de prova sobre mandris no tempo de 5 s. A aparelhagem, preparação dos corpos de prova, procedimento de ensaio e expressão dos resultados constam na NBR 9952/2007.
Resistência ao Impacto
Selecionar quatro corpos de prova com dimensões de 300 x 300 mm. Erguer haste cilíndrica de 1 kg à altura de 0,25 m para a manta dos tipos I e II, ou 0,50 m para as mantas dos tipos III e IV. Deixar cair a haste que deve transmitir a força de impacto ao corpo de prova. A aparelhagem, preparação dos corpos de prova, procedimento de ensaio e expressão dos resultados constam na NBR 9952/2007.
Determinação do escorrimento sob ação do calor Selecionar dois corpos de prova, com dimensões de 100 mm x 50 mm. Os corpos de prova devem ser presos e suspensos pela menor dimensão, verticalmente na estufa, na temperatura especificada, de acordo com o item 6 da tabela 1, durante 2 h. Após o período de ensaio, retirar os corpos de prova da estufa e deixá-los resfriar por no mínimo 1 h na posição horizontal, até atingir a temperatura ambiente. A aparelhagem, preparação dos corpos de prova, procedimento de ensaio e expressão dos resultados constam na NBR 9952/2007.

DETERMINAÇÃO DA ESTABILIDADE DIMENSIONAL
Este método baseia-se na medida da variação permanente da dimensão do corpo de prova, livremente apoiados sobre um plano, logo depois de um ciclo de aquecimento. Os corpos de prova são 10, com dimensões de 400 mm x 50 mm, sendo cinco corpos de prova cortados na direção longitudinal e cinco corpos de prova cortados na direção transversal. A aparelhagem, preparação dos corpos de prova, procedimento de ensaio e expressão dos resultados constam na NBR 9952/2007.

ENVELHECIMENTO ACELERADO POR AÇÃO DE TEMPERATURA
Selecionar cinco corpos de prova, com 50 mm de largura por 150 mm de comprimento, sendo a medida de 150 mm na direção longitudinal. As amostras são levadas à estufa, por um período de quatro semanas. Após o período de exposição, manter os corpos de prova, por no mínimo 2 h, em ambiente à temperatura de (23 ± 2)ºC. Retirar as amostras após o condicionamento e submetê-las ao ensaio. A variação entre as temperaturas de flexão da manta asfáltica virgem e da manta asfáltica envelhecida, para as quais não ocorreram fissuras, deve dar uma idéia do envelhecimento provocado na manta asfáltica pela ação da temperatura. A aparelhagem, preparação dos corpos de prova, procedimento de ensaio e expressão dos resultados constam na NBR 9952/2007.

ESTANQUEIDADE À ÁGUAEste ensaio é para a verificação da estanqueidade em mantas asfálticas, para comprovação de seu limite de resistência à estanqueidade, assim como de emendas executadas tanto no sentido transversal quanto no longitudinal. É usado um equipamento para ensaio de estanqueidade. O corpo de obra será quadrado nas dimensões 250 mm x 250 mm, aproximadamente. Chanfrar o corpo de prova de maneira que seu formato final seja aproximadamente um polígono de oito lados iguais. Posicionar o corpo de prova no equipamento e submeter às pressões de 0,5 bar por 60 minutos, depois 1 bar por 60 minutos e 0,5 bar a cada 30 minutos, até que ocorra vazamento ou seja atingida a pressão final de ensaio prevista para cada tipo de manta, conforme disposto na tabela 1. A aparelhagem, preparação dos corpos de prova, procedimento de ensaio e expressão dos resultados constam na NBR 9952/2007.

RASGAMENTO
Este ensaio á para determinar a resistência na carga máxima ao rasgamento de uma manta asfáltica. Preparar 10 corpos de prova retangulares nas dimensões aproximadas de 50 mm x 250 mm, sendo cinco corpos de prova no sentido longitudinal e cinco corpos de prova no sentido transversal. Para o ensaio utiliza-se dinamômetro, dispositivo para perfuração da manta, dispositivo para rasgamento e máquina de ensaio de tração. São efetuados furos no corpo da manta e através destes, prende-se o
dinamômetro e este ao equipamento de tração. Realizar cinco medidas para cada direção, calculando em seguida a média aritmética. Quais os prós e os contras da utilização das mantas em comparação com outros impermeabilizantes?
Prós: liberação mais rápida da área, maior velocidade de trabalho, espessura.
Contras: exige mão de obra especializada, maior risco nas interferências como ralos, dificuldade na detecção de vazamentos.
São vendidas em rolos de1 metro de largura por 10 metros de comprimento.

fontes: 1. PICCHI, Flávio Augusto. Impermeabilização de coberturas. Editora Pini Ltda.2. Manual Técnico. Otto Baumgart Indústria e Comércio S. A.3. IBI - Instituto Brasileiro de Impermeabilização.4. Apostila Impermeabilização de estruturas. 17ª Edição, 2000.
Alguma dúvida? deixe seu comentário

terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

Trinca na laje causa infiltração

 

manta

Tania Pinto

Bom dia Elciney Araújo,

Lendo o seu blog resolvi lhe escrever moro no RJ, minha casa esta toda telhada mais está com trinca na laje tive uma vez entupimento da calha e esta transbordo pingando dentro de casa, gostaria de resolver esse problema como posso fazer, já que essa trinca aparece peles lado de dentro da casa ficam feias, posso só impermeabilizar a laje e concertar por dentro com tapa trinca?

Por favor me ajudeeee!!!

Nhé-nhéNhé-nhéNhé-nhé

Oi Tania,
Bom ta meio complicado de entender o seu problema, acho que deve esta faltando alguma informação.
vamos por partes
Se sua casa esta toda telhada, ou seja coberta, como a agua esta atingindo a laje?
Se a agua esta transbordando por que a calha esta entupida, então basta apenas desentupir para resolver seu problema, então se toda essa sequencia estiver certa a solução esta no conserto da telha e desentupimento da calha, evitando assim as trincas que aparecem na sua parede, que podem sim ser consertadas com tapa trinca, eu realmente não entendi bem o que você quis dizer, se puder esclarecer melhor estou a disposição para tirar duvidas
Abs.

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

Laje exposta a sol e chuva apresenta infiltrações

 

impermeabilização

MC LOLI

Bom dia,

Possuo uma obra em que esta inacabada porem esta paralisada. A laje tem em media 500 m² da qual já foi feito o contra piso com as caídas para esgotamento da agua da chuva. Porem como essa laje fica exposta a sol e chuva tem certos lugares que estão com infiltração. Gostaria de saber se existe algum produto que possa passar para amenizar a situação? Qual o tempo de vida útil? E que possa pessoas caminhar nessa laje?

Obrigado

Nuvem de tempestadeNuvem de tempestadeNuvem de tempestadeNuvem de tempestadeNuvem de tempestade

A melhor solução para uma laje tão grande só pode ser manta asfáltica e de preferencia 3mm poliéster, se for para passar apenas nas áreas com infiltração use pintura impermeabilizante acrílica branca reforçada com tela de poliéster
Se estiver interessado em mais detalhes de aplicação minha consultoria custa R$ 15,00
Abs..

sábado, 11 de fevereiro de 2012

Laje do apartamento com vazamento

 

Amigo,

Estou com um problema na laje do meu apartamento. É uma cobertura, em que a construtora, colocou a manta corretamente na laje.

Contudo, fiz uma obra em casa, e os pedreiros, rasgaram em 6 cantos das parede, os 30 cm de manta que sobem na vertical para passar um conduite (conforme a foto anexa). Não sei qual é a melhor maneira de impermeabilizar essas áreas, por que já começou a dar infiltração no meu quarto que fica abaixo de um dos cortes. Meu medo é que comece a pipocar tudo a qui em casa.

Podemos conversar ainda na parte da manhã, para eu saber que produto comprar para eliminar esse problema?

Remendo com manta?

Carbolástico?

Vedatudo?

Obrigado,

Oliver Chuo

Guarda-chuvaGuarda-chuvaGuarda-chuvaGuarda-chuvaGuarda-chuva

Oi, amigo isso que você fez e a famosa "carne de pescoço" dura de engolir, e nem sempre dependendo da situação o problema será resolvido, a primeira solução e a mais cara mas é a melhor, se puder remende a manta, quanto as outras irá depender da aderencia dos materiais ao que já foi feito, com o tempo eles podem deixar aparecer pequenas fissuras, e com o tempo elas viram um problemão, duvidas retorne
Abs.

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Produto Via Plus ou Sikatop pode ficar exposto a raios UV???


RelâmpagoRelâmpagoRelâmpagoRelâmpagoRelâmpago
Marco Antônio
Boa tarde, vi um tópico seu na internet sobre aplicação de argamassa polimérica em paredes externas e tenho quase certeza que seria o ideal para o meu problema... porém só tenho uma dúvida, todos os produtos que pesquisei na internet (principalmente o Sika e o via Plus 1000 da Viapol) está descrito nas características técnicas que não suportam luz UV... no meu caso, a parede fica exposta ao sol e chuva... a área rebocada trincou e a parede interna que da na sala apareceram infiltrações... eu acredito que seja devido ao trinco... por isso já apliquei “resina acrílica” com a pistola e espátula, agora preciso passar o impermeabilizante e dar o acabamento, SÓ ESTOU NA DÚVIDA SE O VIA PLUS 1000 VAI AGUENTAR O SOL E NÃO VAI TRINCAR COM O TEMPO... Sabe me tirar essa dúvida amiga?
Sei que cobra por consultoria, mas minha dúvida é só se o produto vai aguentar tomar sol e não vai trincar com o tempo...
Att.,
O produto deve ser protegido com uma pintura ou massa corrida, um acabamento normal, pois se não ele pode trincar, e quando sugiro a aplicação do mesmo tanto interna quanto externamente ele aparece apenas como uma camada protetora, mas precisa de acabamento final.
Abs..

Lâmpada  Lâmpada Lâmpada Lâmpada Lâmpada
 

Bom dia, antes de mais nada, muito obrigado pelo retorno.

Pensei em passar o Viaplus1000, depois um Vedapren por cima e por ultimo Tinta acrílica, será que protege o produto contra rachaduras?

E será que essa sequência dá “aderência” de um sobre o outro?

Muito obrigado e já estou lhe indicando para um amigo meu que está com problema de infiltração.

Att.,

Nem pense nisso, esa gororoba vai se desfazer antes que você fale "impermeabilizavel" use o Somete o Viaplus e tinta como acabamento, isso basta!
Abs.

RelâmpagoNuvem de tempestadeNuvem de tempestadeRelâmpago